SINDICATO DE ALIMENTAÇÃO DE PIRACICABA PRESENTE NO #OCUPABRASÍLIA

Presidente Fânio do STIAP e diretoria estiveram em Brasília na Marcha contra as Reformas Trabalhistas e Previdenciária juntamente com mais de 150 mil trabalhadores de todo o Brasil.
Os trabalhadores realizaram, a maior marcha de protesto já vista contra as Propostas de Reformas para as Legislações Trabalhistas e Previdenciárias, elaboradas pelo governo.
No dia 24 estivemos em Brasília cumprindo a nossa obrigação junto com sindicalistas de todo o brasil em nome dos trabalhadores para barrar as Reformas Trabalhistas, Previdenciária, Terceirização e Sucateamento das Entidades Sindicais, fomos recebidos pela polícia com agressões, bombas de gás de pimenta e muita violência devido a infiltração de indevidos desconhecidos do movimento sindical conhecidos como “Black Blocs”.
Nossos objetivos foram alcançados, esteve presente mais de 150 mil trabalhadores enchendo toda a Esplanda dos Mistérios e deixamos o nosso recado aos Deputados, não aceitamos a retirada dos direito dos trabalhadores.

 

 

Presidente Fânio do STIAP e diretoria estiveram em Brasília na Marcha contra as Reformas Trabalhistas e Previdenciária juntamente com mais de 150 mil trabalhadores de todo o Brasil.
Os trabalhadores realizaram, a maior marcha de protesto já vista contra as Propostas de Reformas para as Legislações Trabalhistas e Previdenciárias, elaboradas pelo governo.
No dia 24 estivemos em Brasília cumprindo a nossa obrigação junto com sindicalistas de todo o brasil em nome dos trabalhadores para barrar as Reformas Trabalhistas, Previdenciária, Terceirização e Sucateamento das Entidades Sindicais, fomos recebidos pela polícia com agressões, bombas de gás de pimenta e muita violência devido a infiltração de indevidos desconhecidos do movimento sindical conhecidos como “Black Blocs”.
Nossos objetivos foram alcançados, esteve presente mais de 150 mil trabalhadores enchendo toda a Esplanda dos Mistérios e deixamos o nosso recado aos Deputados, não aceitamos a retirada dos direito dos trabalhadores.